quinta-feira, 28 de abril de 2011

Sobre o amor por Khalili Gibran

Amai-vos um ao outro, mas não façais do amor um grilhão:
Que haja antes um mar ondulante entre as praias de vossas almas.
Encheis a taça um do outro, mas não bebais na mesma taça.
Dai de vosso pão um ao outro, mas não comais do mesmo pedaço.
Cantai e dançai juntos, e sede alegres, mas deixai cada um de vos estar sozinho,
Assim como as cordas da lira são separadas e, no entanto, vibram na mesma harmonia.

Dai vossos corações, mas não confieis a guarda um do outro.
Pois somente a mão da vida pode conter nossos corações.
E vivei juntos, mas não vos aconchegueis em demasia;
Pois as colunas do templo erguem-se separadamente,
E o carvalho e o cipreste não crescem a sombra um do outro.

Khalil Gibran

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Poema do Amor


Foi lido para todos os presentes na missa em ação de graças pelo nossos 25 anos de casamento. Temos muito a agradecer ...


Querida Núbia
Nossos caminhos sempre foram um só caminho.
Nossas almas, uma só alma.
Cantam para nós os mesmos pássaros:
E os mesmos anjos desdobram sobre nós:
As invisíveis asas.

Temos por espelho os nossos olhos;
O teu riso é minha alegria,
E o teu pranto, a minha tristeza.
Se eu fechar os olhos, tu estarás presente;
Se eu adormecer, serás meu sonho;
E serás, ao despertar, o sol que desponta.
És mais que minha sombra pois no escuro ela se vai e mesmo lá posso te sentir.

Nossos mapas são iguais,
E traçamos juntos os mesmos roteiros
Que conduzem às fontes escondidas
E aos tesouros ocultos.

Na mesma página do Evangelho encontramos o Cristo,
Partirmos na ceia o mesmo pão;
Meus amigos são os teus amigos,
E perdoamos com iguais palavras
Aqueles que invejam nosso amor. Não os culpamos é invejável mesmo.
Nossa leitura sempre foi à luz da mesma lâmpada,

Aquecemos as mãos ao mesmo fogo
E vemos em silêncio a desabrochar no jardim
A primeira rosa da Primavera em todos os rincões desse nosso imenso Brasil.
Fomos nos descobrindo nas nossas filhas a medida que cresciam,
E não mais sabemos distinguir em cada uma
Os meus traços e os teus,
O meu e o teu gesto,
Somos parecidos.
E nem o mundo nem a guerra nem a morte,
Nada mais pode nos separar,
Pois somos mais que nunca,
Em cada filha,
Uma só carne
E um só coração. Graças vos sejam dadas hoje e sempre adoradas filhas.
O homem não tem poder de separar o que Deus uniu.
O tempo senhor da vida nunca destruirá a aliança que nos prende,
Nem os amores , destruíram o nosso amor.
Querida Núbia
Que eu não tenha outro repouso que o teu peito,
Outro amparo que a tua mão,
Outro alimento que o teu sorriso.
E, quando na derradeira hora eu fechar os olhos para a grande noite,
Sejam tuas as mãos que hão de fechá-los.
E, quando os abrir para a visão de Deus,
Possa contemplar-te como o caminho
que me levou, dia após dia,
A fonte de todo amor.

A 25 anos nossos caminhos são um só caminho,
Nossas almas, uma só alma, nosso amor um só amor
Já não preciso estender a mão para alcançar-te,
Já não precisas falar para que eu te escute....
Eterno, duradouro, santificado amor, simplesmente amor...

Poema de Dom Marcos Barboza- Poemas do Reino de Deus - 1961
Adaptação – João Rufino de Sales - 2009

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Nossa história



Para você que pensava que contos de fadas não existiam. Nós sinceramente achamos que você precisa rever seus conceitos. A felicidade é possivel e real. A receita do "felizes para sempre" vem de cada um , de nossas experiências, de nossa maturidade emocional, de nossa genética, de nossa crença, e finalmente de nosso amor contruído ao longo de 25 anos de convivência.Diferente do que muitos dizem foram 25 anos muito faceis e felizes em nossas vidas, anos que queremos ver repetidos a cada dia .Navegando em nosso Blog vc terá a oportunidade de rever junto conosco alguns dos momentos mais importantes de nossas vidas nesses vinte e cinco anos.Continuamos e continuaremos sempre nossa caminhada. Fomos e seremos felizes, unidos, fortes , o tempo é Senhor de todas as coisas. Agradecemos a todos que caminharam conosco durante esse tempo , em especial agradecemos nossas famílias por sermos quem somos hoje, pela amizade, pela cordialidade, pelo respeito e principalmente pelo amor manifestado em cada gesto de carinho. Aos nossos amigos o nosso muito obrigado por terem ajudado a fazer nossa vida mais vida por caminhar junto conosco. Ao nosso Pai celestial honra e glória vos sejam dadas hoje e para sempre. A você que lê nosso Blog vida longa e próspera.A melhor forma que achamos de contar 25 anos de história foi utilizando algumas das mais de 2.000 fotos que temos em nosso arquivo de família. Boa navegação e deixe seus comentários